Previdência privada infantil permite à criança utilizar a reserva, no futuro, para estudos, viagens ou empreender na vida profissional

Deixamos este artigo pronto pra você usar. Basta fazer o download ou compartilhar. :)

  • Além de indicada pelas vantagens fiscais que apresenta, a previdência é uma grande aliada nas finanças das próximas gerações;

São Paulo, 8 outubro de 2021 

Ainda pouco difundida no Brasil, a previdência privada infantil tem como foco o rendimento a longo prazo, comum a esse tipo de produto, e a criação de uma reserva financeira que apoie a criança, quando chegar à juventude, em seus projetos educacionais e início da vida profissional. A Zurich Santander conta com a Previdência Primeiros Passos, que tem aplicação mensal partindo de R$ 30 e é específica para esse público.

A contratação da Primeiros Passos pode ser realizada por um maior de idade, como pais, avós, padrinhos ou tios, que aplica o valor escolhido por mês. Quando a criança chegar aos 18 ou 21 anos, opta pelo resgate, por manter uma renda mensal, ou seguir com a aplicação. É possível que este patrimônio amplie as oportunidades e auxilie no início da vida adulta.

Para se ter uma ideia, ao completar 18 anos a criança pode retirar aproximadamente R$ 10 mil (valor equivalente a um curso de inglês até o nível intermediário), se contribuir mensalmente, por 18 anos, com R$ 35; por 10 anos, com R$ 72; e por 5 anos, com R$ 155. Contribuindo mensalmente com R$ 52 (por 18 anos), R$ 107 (por 10 anos), ou R$ 232 (por 5 anos), é possível retirar cerca de R$ 15 mil, valor equivalente a um curso técnico. Contribuições mensais de R$ 210, R$ 430, ou R$ 929, realizadas respectivamente por 18, 10 ou 5 anos, podem significar uma retirada de R$ 60 mil, valor que permite o pagamento de um curso de Graduação, um Intercâmbio ou o investimento num negócio para início da vida profissional.

João Batista Mendes Ângelo, diretor de Produtos da Zurich Santander, avalia que o tempo é um grande aliado para a Previdência Primeiros Passos. “Quanto maior o horizonte de acumulação, menor o esforço mensal. Além dos benefícios fiscais e tributários, o plano de previdência é uma possibilidade de diversificação de investimentos e uma ferramenta valiosa para ajudar na educação financeira dos pequenos”, conta. O executivo acredita que contar a eles sobre o plano dá importância à disciplina nas finanças e auxilia na compreensão de termos como depósitos e rendimentos, e a entender como o dinheiro se beneficia dos juros mês a mês.

Área restrita