Santander incentiva inovação no agronegócio com condições especiais de crédito

Deixamos este artigo pronto pra você usar. Basta fazer o download ou compartilhar. :)

  • Banco reconhece e incentiva a adoção de novas tecnologias na produção e comemora Dia do Agricultor com ofertas em suas linhas para o mês de agosto

São Paulo, 28 de julho de 2020

O Santander Brasil tem apoiado os empreendedores rurais no financiamento do setor para a adoção de novas tecnologias no agronegócio. De janeiro a junho deste ano, o Banco financiou R$ 136 milhões por meio do Inovagro e Moderinfra, as principais linhas do BNDES para investimentos em inovações para aumento de produtividade, melhoria de gestão, práticas sustentáveis, entre outras ações. O montante foi mais do que o dobro (109%) dos R$ 65 milhões do mesmo período do ano passado.

“Nos agrada muito ver o produtor procurar esse tipo de crédito, já que demonstra que ele está olhando para o longo prazo, melhorando sua gestão e produtividade de maneira sustentável”, afirma Paulo Bertolane, superintendente executivo de Agronegócio do Santander Brasil. Segundo ele, a profissionalização do empreendedor rural se torna cada vez mais evidente. “E se observamos alguém que não avançou nesse sentido, nós levamos esse conhecimento a ele para que faça uma reflexão e aja sobre isso. Ele terá menor risco e prosperará mais”, completa.

Além das linhas do BNDES – Inovagro, Moderinfra, Prodecoop e ABC -, o Santander também trabalha com financiamentos para irrigação, energia fotovoltaica, máquinas agrícolas e produção sustentável, como é o caso do CDC Agro Solar, Agrosocioambiental e Multiagro. “E a inovação no setor passou a também nas vendas da cadeia do agronegócio. Participamos das três feiras agrícolas que, por conta das medidas de distanciamento social, aconteceram 100% digitais neste ano (Agrotins, Agrobrasília e Expocafé). Tivemos captações de até 40% acima nesses eventos”, informa Bertolane.

Dia do Agricultor

O reconhecimento de que o setor avança na inovação coincide com a ação do Banco para a comemoração do Dia do Agricultor, que é celebrado hoje. A partir da próxima segunda (03) até o dia 31, o Santander Brasil reduziu juros da linha de crédito MultiAgro, no qual o produtor pode financiar máquinas e equipamentos agrícolas, projetos de sustentabilidade (energia solar e recuperação de pastagem), armazéns e silos, projetos de irrigação, entre outros. As taxas praticadas no período serão 7,90% a.a., com prazo de pagamento de até três anos; 8,90% a.a. em até cinco anos e 9,90% a.a. em até sete anos. Além disso, as taxas do crédito pessoal Agro estão com 20% de desconto; as do CDC, 10%; e o consórcio está com redução de 10% na taxa de administração.

Área restrita