Santander libera crédito a micro e pequenas empresas em nova rodada do Pronampe

Deixamos este artigo pronto pra você usar. Basta fazer o download ou compartilhar. :)

  • Linha já está disponível e pode ser contratada exclusivamente pelo Internet Banking

São Paulo, 13 de julho de 2021 

Já está disponível no Santander a linha de credito Pronampe, o programa do Governo Federal de apoio a micro e pequenas empresas. Para esta segunda rodada de empréstimos o banco disponibilizará o valor total de R$ 1,3 bilhões até o próximo dia 27. A contratação será feita exclusivamente no Internet Banking Empresarial do Santander. O empresário encontra todas  informações em www.santander.com.br/pronampe.

Conforme as regras do Pronampe, o valor máximo para contratação é de R$ 150 mil por CNPJ, considerando os valores já tomados na primeira rodada do programa, em 2020. O plano de pagamento das parcelas do empréstimo é de 48 meses (quatro anos) e o banco ainda oferece seis meses de carência total para pagamento da primeira parcela. A taxa de juros é pós-fixada: 100% da Selic, mais 6% ao ano.

A liberação do crédito está sujeita à análise de crédito do Santander. A regra vale mesmo para aqueles clientes que tenham recebido carta da Receita Federal referente à linha do programa.

Além do Pronampe

Para as empresas que não se enquadram nas regras do Pronampe, ou que necessitam de mais recursos ou prazos maiores para pagamento, o Santander disponibilizou recentemente outras linhas de crédito voltadas especificamente para capital de giro em que possível oferecer como garantia um imóvel ou automóvel, inclusive em nome de terceiros.

São três novas ofertas para garantir um fôlego financeiro e funcionamento da empresa. O “Use Carro PJ” linha de crédito em que um automóvel é dado como garantia, mesmo que o bem não pertença à empresa, podendo até mesmo ser de uma pessoa física. Está disponível para todas empresas de varejo e de qualquer porte. Os planos de pagamento são de até 60 meses e o contratante tem até 179 dias para começar a pagar as parcelas de principal. As taxas são pré-fixadas a partir de 1,20% ao mês. O veículo não pode ter pendências administrativas, como multas em aberto, IPVA e licenciamento.

Outra possibilidade é a linha “Giro Imóvel PJ”, que possibilita à empresa um plano de pagamento com o dobro do prazo e da carência. É possível escolher planos de pagamento de até 120 parcelas (10 anos) e carência de até 359 dias (1 ano). As taxas também são a partir de 1,20% ao mês. O imóvel pode ser próprio ou de terceiros, e o valor máximo do crédito a ser adquirido pode chegar a 60% do valor venal do bem. Diferentemente da linha “Use Carro PJ”, que pode ser adquirida por clientes PJ de qualquer tamanho, o “Giro Imóvel PJ” é voltado a empresas cujo faturamento anual bruto esteja entre R$ 3 milhões e 30 milhões. No caso do imóvel, o bem precisa estar quitado e não ter débitos de IPTU. O Santander planeja ainda no segundo semestre expandir esta linha para todos os faturamentos.

Além disso, o Santander lançou uma linha para a empresa que está precisando renegociar seu crédito, o “Garagem Santander”, que permite juntar todos os compromissos em um única parcela mensal, dividido em até 60 meses e com até 179 dias para pagamento da primeira parcela de principal. Trazendo um veículo próprio ou de terceiros como garantia da operação, a empresa conta com taxas competitivas e possibilidade de além de renegociar a sua dívida conseguir um dinheiro extra para ajuda-lo neste momento.

Área restrita